Tremor Essencial

Tratamento Cirúrgico

 

A maior parte dos pacientes apresenta boa resposta ao tratamento medicamentoso, porém quando esse tipo de tratamento torna-se ineficaz é possível considerar o tratamento cirúrgico. 

 

A técnica mais utilizada atualmente é a Estimulação Cerebral Profunda do Núcleo Ventral Intermédio do Tálamo (conhecido como VIM).

 

A lesão do VIM por radiofrequência é outra possibilidade a ser considerada. Apesar de eficaz, a cirurgia ablativa (onde o neurocirurgião realiza uma lesão precisa no alvo desejado) é normalmente indicada quando se pretende melhorar os sintomas de um lado apenas do corpo. Evita-se a lesão dos dois lados do cérebro por causa dos riscos de danos cognitivos. Técnicas ablativas menos invasivas com o uso do ultra-som focado de alta frequência vêm sendo realizadas em outros países. 


A Estimulação Cerebral Profunda do VIM é eficaz e imediata na maioria dos pacientes (com redução aproximada de 70 a 80% do tremor). Alguns estudos recentes têm mostrado uma redução desta melhora após alguns anos da cirurgia. Nestes casos, alterações dos parâmetros de estimulação elétrica podem restabelecer os benefícios iniciais.

Fonte: Dr. Fábio Godinho